Ratinhos que marcaram épocas


Há pequenos roedores nessa lista para todo gosto, desde vilões até vítimas de gatos perversos. Não importa a mídia, se filme, programa de televisão ou desenho animado o lugar onde rato deixa de ser motivo para gritos e nojo é na imaginação da criançada, quando eles ganham falas e aventuras inesquecíveis. Muito difícil no meio de dezenas de personagens escolher apenas 10, mas… aqui está…

Stuart Little


Depois de ser adotado pela família Little, o rato Stuart conquista a todos com seu carisma. Porém, o pequeno precisa lidar com divergências com Snowbell, o gato da família. Criado por E.B. White, o ratinho foi para os cinemas em 1999 e conquistou milhares de fãs.
Dublador: Rodrigo Santoro

Cérebro


Essa pequena criatura tem um sonho bem modesto: dominar o mundo! Ele até tem brilhantismo para isso, mas seu ajudante Pink, sem um pingo de juízo, acaba sempre atrapalhando as coisas. Ele tem a quem puxar, seu criador é o não menos brilhante Steven Spielberg.
Dublador: Hércules Fernando

Ligeirinho


Ligeirinho, como seu nome já insinua, é simplesmente o rato mais veloz do mundo! Os pobres gatos vivem cuspindo poeira na tentativa de devorá-lo. Nascido no México, sua marca registrada é o charmoso sombreiro que usa.

Fievel


Também criado por Spielberg (1986), Fievel recebeu seu nome em homenagem ao avô do diretor. O rato judeu foge da Rússia para os EUA cansado da perseguição dos gatos, mas ao se perder da família, passa por dificuldades também na América.
Dublador: Bruno Miguel

Faro Fino


Ele é uma espécie de coadjuvante de luxo, já que seu nome está até no título do programa, ao lado do seu parceiro Olho Vivo. O ratinho multi-funções, entre outras especialidades para combater os vilões, imita até a sirene da polícia. Foi criado em 1959 por Hanna e Barbera.
Dublador: Wilson Ribeiro

Danger Mouse


Uma mistura de James Bond com Nick Fury, o Danger Mouse é um espertíssimo agente secreto que está sempre pronto para combater o crime junto com seu aliado Barão Silas. O personagem inglês foi criado por Cosgrove em 1981 e suas aventuras até hoje são sucesso.
Dublador: Nelson Batista

Super Mouse


Quando se ouve no céu: “Super Mouse seu amigo vai salvá-lo do perigo! ”, os gatos que se cuidem, pois, esse ratinho com poderes de Superman está pronto para combater a vilania. Criado por Paul Terry em 1942, o herói é a prova viva que tamanho não é documento.
Dublador: Carlos Marques

Topo Gigio


O ratinho italiano Topo Gigio, criado por Maria Perego em 1958, alcançou fama internacional com seu jeito moleque e engraçado de ser. Além de comediante, o ratinho de olhos azuis se destaca por ser um exemplar cantor. No Brasil fazia dueto com Agildo Ribeiro.

Jerry


Criado em 1940, por Hanna e Barbera, esse ratinho tem dois objetivos: comer e tornar a vida do gato Tom um inferno. Super ágil, Jerry transforma a casa onde vive numa verdadeira baderna ao protagonizar perseguições eletrizantes, onde leva sempre a melhor.

Mickey Mouse


Walt Disney deu vida ao Mickey Mouse em 1928, a partir de então o pequeno personagem transformou-se no dono de um dos maiores impérios do mundo. Virou símbolo da Walt Disney Company.Se ele tivesse um super-poder seria transformar dinheiro tudo que toca.

Dublador: Cleonir dos Santos, Nizo Neto e Sérgio Moreno.

10 Mais – Ratinhos que marcaram a nossa infância
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...